A carregar Eventos

« Todos os Eventos

  • Este evento já decorreu.

Teatro: “A Grande Viagem de Magalhães”

24 Outubro 2019 @ 11:00 - 1 Abril 2020 @ 16:00

Foi há 500 anos que partiu de Sevilha uma ambiciosa expedição com cerca de 235 homens de diversas nacionalidades capitaneada por um único português, Fernão Magalhães.

Fernão Magalhães foi o grande mentor da viagem de Circum-Navegação, uma odisseia sem precedentes que alterou, para sempre, os limites do conhecimento e redesenhou o mapa mundi que ainda hoje conhecemos.

Segundo os historiadores, esta viagem foi a maior aventura da História da Humanidade, repleta de encontros e descobertas que contribuíram para um enorme desenvolvimento multidisciplinares. Falar de Magalhães e da Circum-Navegação é falar de ciência, de história, de matemática, astronomia, geografia, biologia, psicologia, de engenharia e muito mais.

Falar de Magalhães e da Circum-Navegação é falar de passado, presente e futuro. Magalhães descobriu e batizou um novo oceano, o Pacífico, uma nova terra a que deu o nome de Patagónia, que era habitada por índios gigantes, de pés enormes, os Patagões, e descobriu uns pinguins tão raros, que ficaram conhecidos como Pinguim Magalhães.

Fernão Magalhães era destemido na arte da navegação e um profundo conhecedor das estrelas, ainda hoje existe uma constelação com o seu nome. Batizou o estreito entre o Chile e a Argentina – o Estreito de Magalhães – e até a NASA o homenageou com um satélite.

A Grande Viagem de Magalhães é o mais recente espetáculo de Vasco Letria que vem assinalar o V Centenário da Viagem de Circum-Navegação de Fernão Magalhães.

O espetáculo contará com música original de Gabriel Gomes, dramaturgia de Maria João Freitas e a chancela Foco Lunar.

Datas: 24 de outubro a 26 de junho
Público: domingos às 16h00  (nota: colocar sómente os domingos na agenda)
Escolas: terça a sexta-feira duas sessões: 11h00 e 14h30
Contactos:
telef: +351  213 620 000
email:  info@mnarqueologia-ipmuseus.pt

Detalhes

Início:
24 Outubro 2019 @ 11:00
Fim:
1 Abril @ 16:00
Categoria de Evento:
Etiquetas de Evento:
, , , ,
Site:
http://www.museunacionalarqueologia.gov.pt/?p=7567

Organizador

Museu Nacional de Arqueologia

Local

Museu Nacional de Arqueologia
Praça do Império
Lisboa, Lisboa 1490
+ Mapa do Google

1 Comentário

  1. Schieder da Silva Responder

    È muito bom que fiquem os nomes dos grandes descobridores do planeta,esses que eram descendentes dos templarios,Portugal è um paìs que foi fundado pelos templarios,e que estes foram fundados na França em 1118 por Hugo de Payns, formados por franceses,ingleses alemaes e outro europeus,sö 11 anos depois è que chegaram ä Ibèria.
    A cruz das caravelas e outras cruzes que nao a catolica sao sinais dos templärios,mesmo a cruz do exèrcito alemao è um sinal templärio.
    Lembro de que os templarios eram catolicos,eles apenas fizeram uma cruz com os lados todos iguais.
    A ordem de avis tem tambem as mesmas carateristicas dos templärios.
    A bandeira nacional os castelos sao as praças templärias.

    (È claro que nao havia ìndios gigantes com pès enormes)

Comentar