Etiqueta

Brasil

Browsing

O Almirante de esquadra Almir Garnier Santos é o novo comandante da Marinha do Brasil

No final de março, o Presidente Jaír Bolsonaro exonerou o Ministro da Defesa e os Comandantes dos três ramos das Forças Armadas do Brasil, incluído o Almirante Ilques Barbosa Júnior, que foi substituído pelo Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos.

A cerimónia de transmissão do Comando teve lugar no dia 9 de abril no Grupamento de Fuzileiros Navais de Brasília e foi presidida pelo Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro.

O Presidente do Brasil é cumprimentado pela guarda de honra, à chegada ao Grupamento de Fuzileiros Navais de Brasília. (imagem MB)
O Presidente do Brasil é cumprimentado pela guarda de honra, à chegada ao Grupamento de Fuzileiros Navais de Brasília. (imagem MB)

No seu discurso de despedida, o Almirante Ilques referiu

Foi mais que um privilégio, foi a realização maior de um marinheiro. Ao assumir a mais alta posição na hierarquia da invicta Marinha de Tamandaré, apresentei as diretrizes que pautariam meu comando: a compreensão de que estamos em contínuo combate contra ameaças multicomplexas. Essas ameaças foram amplamente divulgadas no Plano Estratégico da Marinha (PEM-2040) e nas diversas oportunidades, em reuniões com diversos segmentos da sociedade brasileira.

O Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior usando da palavra. (imagem MB)
O Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior usando da palavra. (imagem MB)

Por seu lado, dirigindo-se à Marinha, o novo comandante, Almirante de Esquadra Garnier, destacou:

Certo estou de que ombreados continuaremos, com os esforços e emprego conjuntos, levados a cabo pelo Estado Maior Conjunto das Forças Armadas, visando à superação de todos os obstáculos e adversidades que venham a se interpor à nossa trajetória. O povo brasileiro certamente conta com suas Forças Armadas, razão pela qual sempre as valorizou e as classificou com elevado grau de confiança

Almir Garnier Santos também defendeu a continuidade da presença da Força em ações de combate à pandemia do novo coronavírus, a fim de salvar vidas e amenizar as dificuldades das famílias brasileiras.

Militares do Grupamento de Fuzileiros Navais de Brasília desfilam perante o novo Comandante da Marinha do Brasil. (imagem MB)
Militares do Grupamento de Fuzileiros Navais de Brasília desfilam perante o novo Comandante da Marinha. (imagem MB)

O Almirante Garnier nasceu em Cascadura, no Estado do Rio de Janeiro, tendo iniciado a sua relação com a Marinha aos 10 anos de idade quando entrou na Escola Industrial Cte. Magno de Carvalho e em seguida na Escola Técnica do Arsenal de Marinha. Ingressou na Escola Naval em 1978, sendo o primeiro classificado do seu curso, que terminou em 1982. Comandou o navio de apoio logístico ALM GASTÃO DA MOTTA, o Centro de Apoio a Sistemas Operativos e o Centro de Análise de Sistemas Navais. Como Oficial General comandou a Escola de Guerra Naval, foi Assessor Especial Militar do Ministro da Defesa, comandou o 2º Distrito Naval com sede na cidade de S. Salvador da Baía e desde janeiro de 2019 desempenhou as importantes funções de Secretário-geral do Ministério da Defesa.

O navio reabastecedor de esquadra ALM GASTÃO DA MOTTA em exercícios com a esquadra brasileira. (imagem MB)
O navio reabastecedor de esquadra ALM GASTÃO DA MOTTA em exercícios com a esquadra brasileira. (imagem MB)

A Revista de Marinha formula ao Almirante Garnier votos dos maiores sucessos no desempenho do seu novo e importante cargo.